quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Debate: DSI x Anarcocapitalismo

Debate com Dário Pinheiro, membro do Bem-Te-Vis, grupo de estudos liberais da UFMA, sobre Doutrina Social da Igreja e Anarcocapitalismo.


sábado, 3 de dezembro de 2016

A Imitação do Mal

Há um ditado popular que diz que o diabo não cria nada, só macaqueia as coisas de Deus. No começo deste mês, o teólogo Leonardo Boff lançará seu novo livro pela editora Vozes, chamado "Imitação de Cristo". Sim, sua nova obra será uma tradução própria, com acréscimos, do livro cristão mais reproduzido no mundo depois da Bíblia, de autoria do monge agostiniano alemão do século XIV Tomás de Kempis.

A relação de Leonardo Boff com a Igreja sempre foi bastante conturbada. O ex-frade notabilizou-se, entre outras coisas, por defender a herética Teologia da Libertação, que prega uma falsa doutrina marcada pelo materialismo marxista e pela visão racionalista do Evangelho. Ambas posições condenadas pela Igreja há mais de um século. Além disso, Boff tem uma atuação política aliada a partidos que defendem declaradamente posições anti-cristãs condenadas pelo Magistério, como socialismo, aborto, ideologia de gênero etc.

A verdadeira "Imitação de Cristo", que prega uma ruptura pessoal com o mundo e com o pecado, será atualizada a partir de uma visão moderna do universo, do mundo e da vida humana, associando a Cristo a algumas causas militadas por Boff, como ecologismo com tendências panteístas, e, possivelmente, a visão subjetiva e sensualista de Deus que o teólogo apresenta em outros livros.

O fiel desavisado poderá comprar a obra pelo título pensando ser uma coisa, mas levará para casa outra.